quarta-feira, 16 de julho de 2008

O que você está fazendo com seu título de eleitor?

É ano eleitoral, eu particularmente, já sei em quem vou votar. Mas, penso que essa época seja para a população brasileira rever os seus conceitos e analisar a situação do nosso país. Segundo o governo, estamos crescendo economicamente 4% ao ano, embora a inflação tenha aumentado nos últimos tempos. O desenvolvimento na área da educação também encontra-se expressivo em torno de 4,2% ao ano, embora milhares de jovens formam-se sem ao menos saber escrever uma redação e decodoficar um texto simples. Para a equipe econômica do governo, estamos vivendo a Era do Crescimento e Desenvolvimento, isso faz-me lembrar do Milagre Econômico na década de 1980, período militar, pós o Milagre o Brasil passou por uma das suas maiores crises econômicas já vista na história do país. Quero deixar bem claro para os leitores que não sou anti-Lula, pois, votei nele e "talvez" vote novamente em sua turma, porém como já disse, essa é uma época para se rever os conceitos e analisar a situação ao qual se encontra o nosso país.
Certo dia, estava no msn conversando com alguns amigos e vi um nick que muito me chamou a atenção: "Toda forma de poder É uma forma de morrer por nada. " Essa frase me fez pensar em toda a minha trajetória como cidadã, já fiz Movimento Estudantil, já acreditei em outra forma de poder diferente do capitalismo, fiz Movimento Feminista, e acreditei no Lula como presidente da República, lembro-me como hoje quando tirei aos meus 16 anos o meu primeiro título de eleitor, estava tão feliz, sentia-me fazendo história, pois, aquele documento deu-me a sensação de liberdade, com ele eu poderia mudar o mundo. Quando lembro... naquela fase eu acreditava em muitas coisas, era mais jovem, queria abraçar o mundo com esses pequeninos braços, vivi intensamente com muita energia. Enfim, agora vivo com mais consciência e menos emoção, a maturidade te faz analisar os fatos com uma visão menos romântica e mais realista, entretanto, ainda não deixei de acreditar, pelo contrário, penso que nunca temos que desistir, acreditar sempre.
Aqui vai um recadinho para a galera: Vamos aproveitar esse ano que os políticos estão mais solícitos para cobrá-los, afinal é nesse período que eles gostam de tomar cafezinho, chazinho com bolacha em nossas casas. Então, vamos aproveitar e ter aquela conversa de patrão com empregado, porque os políticos são nada menos que os nossos empregados, vamos questionar para onde vai os impostos (estudo em universidades públicas, sei muito bem a falta que esses impostos fazem), vamos questionar o uso do cartão corporativo para uso pessoal, questionar tudo que nós temos direito, agora é a nossa vez de cobrar, de colocar os nossos representantes no paredão.

3 comentários:

Emerson Rocha disse...

Meg, adorei o texto.

O Título de eleitor é nossa maior arma contra essa vergonha que os nossos representantes fazem com o Brasil. Não temos que cobrar só em ano eleitoral pq os políticos estão mais abertos, temos que cobrar sempre. Se o povo não se manifesta, essa corja que nos governa vai sempre achar que não está incomodando a ninguém.

O melhor do Brasil é o brasileiro ,e não essas porcarias que nos gorverna.

buddypetrolina disse...

VocÊ é POR-RE-TA!
Gostei muito da organização do seu texto, do teor crítico, análise de idéias.
Você é imprescindível!
Poste sempre. Estarei lendo.
Abraços

maria disse...

aaa

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios